Quem tem catarata pode fazer extensão de cílios

Pessoas diagnosticadas com catarata precisam dar uma atenção redobrada à saúde dos olhos. A doença, diferente do que muita gente pensa, não afeta apenas idosos. Pessoas mais jovens também podem desenvolvê-la, principalmente quando envolve fatores genéticos.

Quando uma pessoa com catarata decide fazer um alongamento de cílios, precisa ficar atenta aos riscos que isso pode trazer e tomar todos os cuidados para não prejudicar ainda mais seus olhos.

Alongamento de cílios pode afetar a visão?

O alongamento em si não traz um risco direto à visão, mas pode fazer isso indiretamente. A 

infecção é uma possibilidade pós-extensão. Uma infecção ocular pode não apenas deixar a pessoa com olhos vermelhos e pegajosos, mas também pode acabar com uma úlcera de córnea potencialmente prejudicial à visão.

As infecções geralmente são causadas por protocolos de higiene inadequados. Proteja-se contra infecções indo a um técnico certificado em extensão de cílios.

Certifique-se de que o técnico desinfete suas ferramentas após cada visita e siga as boas práticas de higiene, como lavar as mãos e usar luvas descartáveis. 

Quais riscos a extensão de cílios traz para a saúde ocular?

Listamos aqui algumas perguntas e respostas que esclarecem as principais dúvidas com relação a extensão de cílios e saúde ocular, veja:

  • As extensões danificam seus cílios naturais?

Sim, é possível que seus cílios se quebrem se não forem aplicados por um profissional treinado. Cada fio deve ser aplicado individualmente. Certificar-se de não puxá-los ou esfregá-los garante longevidade e pestanas saudáveis. Se usado constantemente, é possível que os cílios pesem sobre os cílios naturais, arrancando-os.

  • Eles são seguros para uso por usuários de lentes de contato?

Sim! Quem usa lentes de contato pode colocar os cílios, mas ainda tendem a ficar com os olhos irritados. Recomenda-se levar consigo sempre uma solução fisiológica extra para evitar olhos secos. A área dos olhos também deve ser bem limpa antes da aplicação dos cílios.

  • O que acontece se a cola entrar em contato com seus olhos?

A cola não pode entrar diretamente nos olhos, uma vez que estão sempre fechados, mas não é impossível. Os produtos de cola atingiram a camada superior do olho, causando irritação e cicatrizes. Certifique-se de que a cola não contém produtos químicos prejudiciais como o formaldeído, que é um ingrediente comum em cola conhecido por causar reações alérgicas.

  • Você pode ficar cego?

Não, você não pode ficar cego com as extensões dos cílios porque seus olhos estão fechados durante o procedimento. Mas em casos extremos, entrar em contato com o formaldeído pode causar cegueira. É importante consultar um especialista em cílios que saiba aplicar corretamente o adesivo e os cílios.

  • Como faço para remover os cílios?

Ir a um profissional e remover as extensões seria sua melhor opção, eles são treinados para removê-las sem prejudicar seus cílios naturais. Se uma reação alérgica tiver se desenvolvido, o primeiro passo deve ser consultar um médico e seu oftalmologista.

Tenho catarata, posso fazer extensão de cílios?

Ter catarata não impede a aplicação da extensão de cílios, mas o procedimento pode causar irritação e deixar você com uma sensação ruim de coceira, ardência e dificuldade para manter os olhos abertos. 

Coçar os olhos demasiadamente pode prejudicar a retina e provocar até mesmo seu descolamento. Pessoas com catarata têm maior sensibilidade ocular e qualquer incômodo a mais pode ser desesperador. 

Quem tem catarata pode, sim, fazer extensão de cílios, mas é importante saber dos riscos potenciais para se decidir se vale mesmo a pena ou se é melhor evitar.

Se você não abre mão de realizar o procedimento, consulte seu oftalmologista e procure um profissional qualificado para aplicar os novos fios em seus cílios. 

Quais os cuidados diários para quem tem catarata?

Os cuidados para quem tem catarata são bem parecidos com os que qualquer outra pessoa precisa ter para evitar problemas de visão e incluem:

  • Usar óculos de sol de qualidade
  • Não dormir com maquiagem
  • Não usar colírios sem orientação médica
  • Realizar consultas periódicas 
  • Não assistir ou ler de muito perto
  • Não usar óculos de grau de outra pessoa
  • Evitar coçar os olhos
  • Manter as mãos sempre limpas
  • Ter cuidados com levantamento de pesos e pancadas
  • Evitar uso de lentes de contato por estética

Além desses cuidados é necessário manter as visitas regulares ao oftalmologista e atender às suas recomendações com muito cuidado. Em algum momento pode ser necessária a cirurgia e ele fará a indicação. 

Conclusão

Ter catarata não é empecilho para fazer a extensão de cílios, mas é necessário ter cuidados na escolha do profissional e na manutenção para evitar irritações, alergias ou mesmo infecções.

A principal dica é falar com seu médico oftalmologista antes para receber as recomendações necessárias, além de optar por fazer o alongamento com um profissional de sua confiança, que siga as regras sanitárias e tenha boa reputação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *